Vitória frente à Burinhosa

A Desportiva do Fundão encerrou o ano civil de 2018 com “chave de ouro”, ao bater o Burinhosa por duas bolas a zero na jornada 15 da Liga SportZone 2018/19. A equipa beirã superiorizou-se à congénere que viajou de Pataias, bastante limitada em termos de opções.

Na antevisão ao embate com o Burinhosa, Nuno Couto, técnico da Desportiva do Fundão, tinha assumido a intenção de presentear os adeptos com uma vitória no último encontro em casa do ano civil. Não só assumiu, como cumpriu. Em tarde de receção a uma equipa do Burinhosa muito limitada a nível de opções devido às ausências de Marquinhos, Russo, Tunha, Espanhol e Matheus, a Desportiva – sem Márcio Moreira – protagonizou uma boa exibição, venceu por duas bolas a zero e só o guardião John Welton impediu que o placard final assumisse outra dimensão.

A Desportiva do Fundão encerrou o ano civil de 2018 com “chave de ouro”, ao bater o Burinhosa por duas bolas a zero na jornada 15 da Liga SportZone 2018/19. A equipa beirã superiorizou-se à congénere que viajou de Pataias, bastante limitada em termos de opções.

Na antevisão ao embate com o Burinhosa, Nuno Couto, técnico da Desportiva do Fundão, tinha assumido a intenção de presentear os adeptos com uma vitória no último encontro em casa do ano civil. Não só assumiu, como cumpriu. Em tarde de receção a uma equipa do Burinhosa muito limitada a nível de opções devido às ausências de Marquinhos, Russo, Tunha, Espanhol e Matheus, a Desportiva – sem Márcio Moreira – protagonizou uma boa exibição, venceu por duas bolas a zero e só o guardião John Welton impediu que o placard final assumisse outra dimensão.

Durante os primeiros 20 minutos, não houve motivos para celebração no Municipal do Fundão. A Desportiva, sempre com maior ascendente, esbarrou em John Welton, ao passo que o Burinhosa tem a lamentar uma oportunidade clamorosa desperdiçada por Nino, jogador experiente que, no “mano a mano” com Luiz Gustavo, permitiu a defesa ao guardião da casa.

No início do segundo tempo, quando boa parte dos adeptos ainda retomavam os respetivos lugares na bancada, Pauleta “quebrou o enguiço”. O internacional português que veste a camisola 10 da Desportiva, um dos maiores desequilibradores durante o primeiro tempo, conseguiu bater John Welton e abriu o ativo para regozijo dos donos da casa. Em desvantagem na partida, o Burinhosa tentou abrandar o ímpeto dos locais e até resistiu a uma boa investida da Desportiva logo após o golo, mas viria a consentir novo tento quando estavam cumpridos cinco minutos da etapa complementar, desta feita com a assinatura de Paulinho Rocha.

A perder por dois golos de diferença, o Burinhosa não alterou a estratégia e ainda viu Mário Freitas atirar uma bola ao ferro da baliza que esteve sempre aos cuidados de John Welton. A três minutos do fim, Alex Pinto tentou inverter o rumo dos acontecimentos ao lançar o 5 para 4, porém, sem sucesso. O encontro chegou ao fim com uma vitória da Desportiva por duas bolas a zero que afastou o “Bury” dos lugares que dão acesso ao “play-off” da Liga SportZone.

In Futsal Global

Ficha de Jogo: http://www.adfundao.pt/fixture_and_result/jornada-15/